quinta-feira, setembro 25

Carolina Herrera arrasa em NY

A estilista venezuelana também lembrou da crise econômica americana na hora de criar sua coleção primavera-verão 2009.
E foi precisa na sua proposta para a próxima estação- terninhos para o dia e vestidos de festa para a noite.
Carolina buscou inspiração no pintor Sandro Botticelli, que tinha suas pinturas marcadas por um forte realismo, movimentos suaves e cores vivas. Uma de suas obras mais conhecidas, até os dias de hoje é “O Nascimento de Vênus”, que o pintor fez no ano de 1485.
Nesta obra, observa-se a valorização das forças da natureza, o realismo e o resgate da mitologia romana. Seguindo esta linha, a estilista apresenta a maior parte dos vestidos tomara-que-caia e em todos os longos há babados. Valorizou bastante o colo feminino.
E optou por modelos monocromáticos e sem acessórios, tudo muito sofisticado e clean.
Na cartela de cores, preto, branco e tons fortes, como amarelo-gema, vermelho-sangue e azul-royal.
Ameiiiii toda a coleção!!!! Eu quero tudo!!!!!

Um comentário:

Fernanda Amarante disse...

Herrera é sempre chique, mas essa coleção saiu divina mesmo, ameeei o vermelhão. Queria ter um baile ou uma festa chique todo dia, pena que quase nunca tenho. Tô quase implorando pra alguém casar na família...
Mudando totalmente de assunto, tá frio aí embaixo ainda? Aqui o clima tá louco, calor de dia, às vezes frio à noite, no fim-de-semana passado fez muiiito frio, depois segunda fez muiiito calor. Acho que minha mala-colóquio vai ser enorme. Odeio passar frio ou calor.

E afinal de contas, você vai? Preciso confessar que vou, mas não estou mais tão animada. Minha avó faleceu semana passada e estou super deprê. É bem capaz de eu fugir da maior parte do evento e ir fazer compras, sei lá... Mas seria bom se você fosse. Ótimo fim-de-semana querida. Beijos.