quinta-feira, fevereiro 21

Tecido = bateria para iPod

Zhong Lin Wang segura um nanogerador composto por dois emaranhados de fibras; movimento do tecido gera energia


Tecido deve servir de bateria para o iPod
da Associated Press, em Boston

Imagine que você possa usar a sua camiseta para alimentar de energia o seu iPod ou outro tocador de MP3. Isso ficou mais próximo, cientistas anunciaram ter desenvolvido um modo de gerar eletricidade ao costurar pequenos fios especiais no pano. A idéia é que, no futuro, os tecidos possam produzir energia apenas ao serem amassados ou sofrerem a ação de uma brisa.

A pesquisa, publicada pela revista "Nature", combina a precisão da nanotecnologia com um princípio conhecido como efeito piezoeléctrico, segundo qual a eletricidade é gerada quando certos materiais são pressionados.

Zhong Lin Wang segura um nanogerador composto por dois emaranhados de fibras; movimento do tecido gera energia
Na experiência, Zhong Lin Wang e outros cientistas do Georgia Institute of Technology cobriram fibras de tecido com nanofios feitos com óxido de zinco. Esses fios --alguns cobertos com ouro-- tinham apenas 50 nanometros de diâmetro: ou seja, eram 1.800 vezes mais finos que um cabelo humano.
Com o movimento do tecido, uma parte das fibras raspava nos fios que foram recobertos com ouro. Como resultado da tensão e da pressão geradas, acaba surgindo uma carga piezoeléctrica que é capturada pelo ouro e pode alimentar um circuito.
Um dos pontos altos da descoberta é o fato de não ser necessário fazer nenhum movimento incomum para gerar a energia. Apenas o ato de vestir uma roupa com esse tecido já produz eletricidade.
A estimativa é que um metro quadrado do tecido possa produzir cerca de 80 miliwatts de eletricidade, o suficiente para alimentar aparelhos como o iPod.
Entretanto, ainda há um obstáculo até que a tecnologia seja, de fato, implantada. Isso porque o óxido de zinco não é à prova de água.
Agora os cientistas têm de encontrar um modo de proteger os fios do tecido, como forma de evitar que, ao ser lavado ou passar por uma chuva, o material perca suas características.
Muito legal.... e que continue a pesquisa... à prova de chuva.
Bjks

Nenhum comentário: